sexta-feira, 18 de novembro de 2016

Planos para o fim-de-semana

Olhem, estou aqui que não posso com tantas ideias que tenho vindo a esquadrinhar, mas vai que já me decidi. Vai ser...
Bolachas de Manteiga
Brigadeiros
Massada de Cogumelos
Em termos de doces tinha pensado fazer qualquer coisa com framboesas porque tenho mais dum quilo no congelador. Mas não, até porque a framboesa é um fruto que dura até dois anos congelado, vi eu num artigo da tal revista Magazine do Continente. Aguarda-se então. Oh, não se lamentem, algum dia hão-de-ser comidas, migas (isto sou eu a falar para as framboesas), não desesperem, que há dias e bocas para tudo e todos. Entretanto, ontem, folheando um prospeto de supermercado, vi uma receita de bolo de leite condensado e lembrei-me logo que tenho no frigorífico uma lata dessas assim com esse jeito, ademais: aberta e portanto mais ou menos usada, vai daí tenho mesmo que a despachar. Mas não (para o bolo), vou mas é fazer brigadeiros. Até tenho na despensa um frasquinho com granulado de chocolate que comprei há meses, por estar em promoção. Sim, vou atrás dessas tretas, vou, e vergonha, por ora, não há. Fiz também recentemente uma massa vienense com o intuito principal de mostrar ao mundo como faço bolachas de manteiga, porém aconteceu que a máquina fotográfica montes de espectacular (que por acaso também filma) estava torta por demais, de maneiras que não vou poder usar os filmes que fiz (contudo: já ando a pensar ir buscá-los à reciclagem do pêcê e marimbar para a tortice e filmar mais cenas amanhã, tipo assim enquanto estendo a massa a fazer as bolachas e a metê-las no forno e tal e a mordê-las, oh céus). Ora isto tudo serve para dizer que amanhã vou fazer bolachas de manteiga independentemente de. Creio até que já se tinha percebido logo ao início deste post, mas como gosto tanto de escrever ponho-me a escrever as mesmas coisas, só por dizer que diferentemente.
Em termos de salgados decidi fazer massada fosse do que fosse, porque o que não me falta na despensa, ao momento, é pacotes de massa. Sei lá, vou comprando, presumo que não tenho e, passando no corredor das massas, pumba e coiso, venha de lá um pacote ou dois para me encher o carrinho e me engordar a conta. De manhã, quando comprei os cogumelos (que entretanto já o mundo inteiro sabe que comprei cogumelos, pois que fiz post anunciando os gramas de tudo quanto comprei no nepalês da frutaria), foi já com essa ideia na cabeça.
Considero, ainda em termos de salgados, ou de comida de prato, preparar uma lasanha de salmão e agriões e alho francês, ideia que tirei (também... pois) da revista que já anotei acima. Leva ricota e tudo, natas e assim, ao invés do molho branco. Provavelmente chamaram-lhe lasanha por conta das folhas de massa intercaladas com a chicha e os vegetais. Eu agora uso uma marca (falo da lasanha) muitaaa boa. Descobri-a. Não descobri nada, lembrei-me de trazer aquela do supermercado, simplesmente isso, às tantas na enga da promoção, sei lá eu, não malembra ou então já masqueceu. Olhem, fica já aqui o meu desejo dum bom fim-de-semana, que prolongarei no próximo post. De nada, ora essa.

6 comentários:

Manel Mau-Tempo disse...

sou distraído, nã vi se consta, mas gostava de saber a receita das bolchas... tou a fazer sopa de cogumelos e castanhas... só para dizer que faço :)

Gina G disse...

Não consta, não, Manel. A tal da massa vienense é uma vulgar e facílima massa para bolachas e/ou base de tartes, composta pelos ingredientes mais básicos:
300 gramas de farinha
200 gramas de manteiga
100 gramas de açúcar
1 ovo
Depositas tudo na bancada e amassas somente até estar tudo ligada, nada de exageros. Colocas no frigorífico uma ou duas horas, estendes, cortas, ou fazes bolinhas que achatas, e levas ao forno por sobre papel vegetal durante mais ou menos 10 minutos. Nesta base podes, querendo, acrescentar ingredientes como especiarias, raspa de citrinos, frutos secos.

Essa sopa deve ser boa. Pondero a ideia de te copiar. ;)

Manel Mau-Tempo disse...

Muito agradecido :) tenho de experimentar
a sopa é uma delicia, de rapar o fundo do tacho...

Gina G disse...

De nada, ora essa.

Vou-te copiar essa sopa, ai vou-vou... ;)

Manel Mau-Tempo disse...

queres a receita? :)

Gina G disse...

Sim. Eu ia inventar e tal, mas quero, sim.