sexta-feira, 3 de fevereiro de 2017

Folhinhazinhas de outra espécie

É demasiado cedo para andar de nariz no ar perscrutando os ramos da árvore amarela. Não há ainda nem vestígios de folhinhazinhas, que é lá isso, é que nem o cheiro a nova estação, quanto mais.

Sem comentários: