quinta-feira, 27 de abril de 2017

Por junto

Antes: engoli um grama de paracetamol com vinte miligramas de fluoxetina, acompanhados de dois decilitros de água.
Depois: engoli cinco miligramas de cloridrato de buspirona e dez mililitros de magnésio diluído em dez centilitros de água.
Aparentemente é possível continuar viva ao depois disto tudo, quando não jamais existiria, por exemplo, este post.
Ah, e comi os morangos sem antes os passar por água, pedúnculos e tudo, que é onde se concentra os idas dos pestic. Olarila. Fui, até hoje, imortal, portanto.

Sem comentários: