quarta-feira, 31 de maio de 2017

Foi ontem

Foi ontem, também, que consegui estas fotos, lá no lugar escondido:





Sei que quando escrevo no blogue repito assuntos e expressões, mas não só, nas fotos repito cenários e temas, e as que ontem apresentei do 'a caminho' e do 'lugar escondido', são iguais a dezenas de outras fotos que fotografei em dias passados. Está bem que o dia e o mês são outros, quiçá seja um outro ano, está bem que muda a paisagem, ora há folhas nas árvores em verde, ora as há rolando no chão em castanho, ora flutuando ao vento em verde e em castanho, está bem que a vida muda-se e me muda, daí nasce o desejo de fotografar tudo. Tudo. E se todos os dias, pois que vá lá a ver, clica aí, ó Gina.
geralmente marimbo para isso de me repetir -
atão e depois, né?
é nada
e vai que...?
vai nada
há problema?
nop
qual?!
é que nenhum, mesmo -
Geralmente marimbo mas ontem não marimbei completamente, fiquei a pensar que sou chata, afinal o blogue é visto, lido, e repetindo imagens nada mais faço do que afastar-me da frescura de uma novidade, o que me afasta
também
das pessoas.
Mas pronto, as imagens acima é que me fizeram lembrar o medo de aborrecer os leitores, ideia tão velha como velhos são os meus cliques aos sinais de trânsito, e sim, aqueles sinais de trânsito, às corzinhas, ó pá tóin xiru!, com o programa especial da minha máquina fotográfica montes de espectacular, aquele que extrai esta ou aquela cor, sabem?, máquina essa que, vejam lá, também filma, e é com ela que faço os meus vídeos.
Mas pronto, as imagens acima é que me fizeram lembrar este assunto, dizia eu, porque não me lembro de alguma vez ter tirado uma fotografia ao contentor de lixo orgânico, não sob aquela perspetiva, por isso guardei-as para hoje, por isso desenvolvo o meu repetirrepetirrepetir hoje.

..........................................................

E agora as fotos 'há-brólhos'. O 'há-brólhos' resulta de um olhar (meu) e escorregar (meu) da expressão 'um abre-olhos'.
Ó pá, entretanto ficam aqui também, pronto. Não que tenha alguma coisa a ver com o assunto exposto neste post, mas é que também tem, e como tem, tem e fica. Aqui. Cá.







Sem comentários: