quinta-feira, 26 de janeiro de 2017

Janelas minhas

Olhem, é assim, adoro as janelas minhas e novas e brancas que foram implementadas na minha mansão superincrivelmente fantástica. É de tamanhão, o espanto que a gente sente pelo frio e barulho a menos que há agora nos quartos, esperando eu, e vivamente, que também entre muitíssimo menos pó. Olarila. Todas as manhãs rejubilo de tão descansada que acordo, que lá se foi parte do frio e quês, e como tenho o grato prazer de me ver ao espelho logo que me sento na cama, pois sim. Ah, a maravilha de vida que posso ter, feliz de mim... Pronto, quer isto dizer que de uma semana para cá acordo ainda mais bonita.

Sem comentários: