quarta-feira, 11 de janeiro de 2017

Pequeno-almoço

Para construir o post anterior visitei a bolsa do meu caderno azul por modo a retirar os apontamentos da receita e dei com a caderneta de pontos para aquisição de copos tão banais quanto regulares, transparentes, de forma básica e sem beleza especial. Já tenho dois desses copos, que, fazendo contas aos euros que vale cada ponto, me custou oitenta euros cada um. São confortáveis, ao menos isso, estreei-os hoje de manhãzinha, querem saber que horas eram?, ao pequeno-almoço, querem saber que horas eram?, bebi deles sumo de maçã e cenoura que fiz em equipa. Este sumo acompanhou, querem saber que horas eram?, umas torradinhas frescas, portanto: quentes. Com manteiga.

Sem comentários: